fbpx

SNMP como protocolo de gerenciamento de redes

SNMP como protocolo de gerenciamento de redes

SNMP como protocolo de gerenciamento de redes

O SNMP é um protocolo de gerenciamento de redes padrão mais utilizado no mercado. Em geral, todo dispositivo de rede da sua empresa é capaz de se conectar via SNMP. 

O assunto gerenciamento de redes e o funcionamento do SNMP (Simple Network Management Protocol) envolve diversas ferramentas para desenvolver diferentes tarefas e monitorar as redes de forma abrangente. Vários parâmetros são monitorados constantemente nas redes de médio ou grande porte. Os principais são: carga da CPU; status de dispositivos de rede; uso de interfaces trunk e links WAN; temperatura de dispositivos; uso de memória; status dos links WAN de roteadores. 

 

Leia também: Segurança de roteamento de internet, RPKI e prevenção a roubos de prefixos.

 

Além desses parâmetros, outros devem ser monitorados por meio de um sistema de gerenciamento de redes. Assim, a equipe de TI poderá agir de forma proativa diante de possíveis falhas e problemas que o software de monitoramento avisa por meio de alarmes. 

 

Definição do SNMP

A RFC (Request for comment) é um documento extremamente técnico da IETF (força-tarefa de engenharia de internet) que determina os padrões usados e implementados na WEB. Conforme descrito na RFC 1067, de 1988, o SNMP foi desenvolvido para facilitar e melhorar o monitoramento e o gerenciamento de redes. 

Hoje em dia, o SNMP é uma das ferramentas mais usadas para essa tarefa, uma vez que ele permite que serviços e produtos de diferentes fabricantes possam trabalhar juntos. 

As principais respostas de gerenciamento de redes comunicam os possíveis falhas ou problemas na infraestrutura de rede por meio de alertas via SMS, PUSH e email. Algumas avançadas ferramentas já indicam os pontos críticos de funcionamento de rede por meio de gráficos nos dashboards, em tempo real. 

 

Leia também: Protocolos de otimização de backup corporativo

 

O protocolo SNMP é forma mais direta de acesso aos dados dos diferentes sistemas para analisar o gerenciamento de redes. Sua principal função é facilitar a troca de dados entre os dispositivos referentes ao gerenciamento de redes. Para isso, o SNMP apresenta estatísticas e status de elementos ativos das redes, tais como: nível de colisão, vazão, taxa de erros, entre outros. 

Versões do SNMP

O SNMP conta com três principais versões: 1,2 e 3, sendo que a versão 1 é muito rara de ser achada e antiga. 

A versão 2 não conta com recursos diferenciados de segurança. Já a versão 3 tem vários recursos como criptografia, autenticação e garantia da integridade das mensagens. 

É importante dizer que o SNMP é um protocolo que consume poucos recursos do processamento e do gerenciamento de redes. Com isso, Ele pôde ser incluso em equipamentos mais simples como notebooks, impressoras, semáforos etc. 

 

Como funciona o SNMP

O protocolo SNMP também é usado para gerenciar redes complexas de TCP/IP. Por meio dele, é possível fazer a configuração e o gerenciamento de redes de um servidor central. Além disso, o SNMP monitora o desempenho das redes para detectar problemas e acompanhar os usuários e de que forma os mesmos a utilizam. 

O gerenciamento de redes pelo protocolo SNMP conta com três importantes componentes:

  1. Agentes SNMP que são os próprios switches e roteadores. 
  2. MIB que é a base de dados padrão. 
  3. Gerentes SNMP são sistemas de gerenciamento de redes. 

 

O protocolo SNMP permite que uma ou mais equipamentos de rede sejam designados como gerentes. Essa máquina vai receber os dados dos outros equipamentos, tornando-se agentes. 

Ao processar esses dados, o sistema será administrado facilmente, inclusive na detecção de defeitos. Para isso, será utilizado o MIB para gravar todos os dados necessários para gerir cada dispositivo. Dessa forma, é formada uma estrutura formada pelas estações de elementos e gerenciamento de redes. O SNMP é o responsável por transportar os dados entre essas estações. 

Quer saber mais sobre o SNMP como protocolo de gerenciamento de redes? Fale com nossos consultores. 

Deixe uma resposta