fbpx

Boas práticas de segurança de dados para qualquer empresa

Segurança de dados

Boas práticas de segurança de dados para qualquer empresa

Cuidar bem dos dados de sua empresa é algo que irá trazer retornos em segurança e prevenir até processos. Hoje, qualquer empresa que tenha dados sensíveis de clientes e que não possui uma política de boas práticas de segurança de dados, acaba estando exposta a ataques e problemas legais.

Baixe agora mesmo o E-book gratuito

Segurança de dados para empresas

 

 

Com a implementação da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), as empresas passaram a ser muito mais responsáveis pelos dados de seus clientes, fornecedores e colaboradores.

Por isso, boas práticas de segurança de dados, além de prevenir ataques, ainda garantem que a empresa não venha a ter problemas legais.

5 boas práticas de segurança de dados para aplicar em sua empresa

 

Nenhuma empresa está livre de receber um ataque e, infelizmente, não é possível obter 100% de controle das ameaças à segurança dos dados da companhia. Portanto, é fundamental saber e traçar o que será priorizado na hora da proteção da informação para evitar vazamentos.

Um relatório da G2 Crowd aponta que “29% das empresas relatam perda ou danos de registros internos” e “35% das empresas relatam que os registros dos clientes foram comprometidos em algum momento” como resultado de um incidente de segurança.

Além disso, o relatório demonstra que “53% dos ataques cibernéticos nos sistemas de negócios resultaram em danos de US$ 500.000 ou mais”. Portanto, proteger os dados evita prejuízos financeiros não somente para a empresa, mas também para seus clientes. E há ainda outro ponto fundamental a ser considerado: a imagem da instituição que pode se desgastar.

 

  1. Backup

Todas as empresas (e até pessoas físicas também) devem adotar o backup como medida de proteção aos dados. Isso porque, caso aconteça alguma invasão e as informações da empresa acabarem sendo apagadas, será possível recuperar. Isso reduz o impacto do prejuízo que seria perder os dados da organização.

 

Leia também: Monitoramento de segurança de redes, como ele pode prevenir ataques em sua empresa

 

  1. Antivírus é fundamental para segurança de dados

Invista em um bom software de antivírus para garantir a proteção dos dados da sua instituição. Instale em todos os dispositivos que são acessados e contém informações relevantes sobre a empresa e os seus dados. É importante também sempre mantê-los atualizados, garantindo proteção contra possíveis ataques.

  1. Criptografia garante segurança de dados para sua estrutura

Mantenha as informações sigilosas sempre criptografadas. Dessa forma, apenas uma pequena quantidade de usuários serão autorizados a acessarem, alimentarem e modificarem dados importantes. A criptografia é a codificação de dados, que impede que qualquer pessoa tenha acesso à informações sigilosas.

  1. Armazenamento de informações na rede

Armazenar as informações da sua empresa em uma rede compartilhada — a famosa nuvem — também é considerada uma boa prática e evita que dados sejam vazados. Isso porque esse procedimento evita o compartilhamento de dados por dispositivos removíveis, como pendrive ou até mesmo o e-mail. Dessa forma, somente pessoas autorizadas têm acesso à informação.

  1. Política de Segurança de Dados

É importante que a empresa tenha um documento com as diretrizes que norteiam o comportamento que os colaboradores precisam ter em relação ao acesso aos recursos relacionados à Tecnologia da Informação. O documento deve conter todas as regras para evitar um ciberataque, que pode resultar em vazamento de informações ou fraudes.

 

Com estas práticas de segurança de dados, é possível estabelecer um ambiente muito mais seguro. Otimizar a segurança, através de uma central de monitoramento (SOC), por exemplo, também é uma excelente prática.

Conte com a Everest Ridge para auxiliar sua empresa na segurança de dados. Entre em contato com nossa equipe.

Deixe uma resposta