Transformação digital e gestão de dados

Com as mudanças impostas pela pandemia da Covid-19, a transformação digital se tornou uma realidade. As empresas passaram a adotar soluções tecnológicas em todas os seus setores, pois somente assim poderão garantir a sua sobrevivência em um mercado cada vez mais competitivo. A tecnologia pode auxiliar e dar suporte para todo o planejamento estratégico e gestão dos processos e logística da empresa, otimizando sua performance, reduzindo custos e tornando as atividades mais assertivas.

 

Para que um negócio possa evoluir, é preciso que haja uma gestão de dados eficiente, de forma a possibilitar uma gestão eficaz e positiva do negócio. Com isso, é possível que a empresa garanta a sua continuidade e resultados cada vez mais positivos. Apesar disso, ainda há um número muito grande de negócios que ainda não aplica as novas tecnologias à sua rotina, realizando uma gestão de dados menos eficiente e com menos potencial. Os dados devem ser geridos com um nível superior de qualidade, com tecnologias mais inovadoras e eficientes.

 

Por consequência da recente pandemia, a transformação digital acabou se adiantando em pelo menos cinco anos, conforme estimativas, figurando como peça central no crescimento das empresas por todo o mundo. Nesse sentido, a tecnologia da informação e a qualidade das informações passaram a se tornar tópicos vitais na elaboração de estratégias de crescimento. Exemplo disso, é a implantação de iniciativas de gerenciamento de dados, como o MDM – Master Data Management, por exemplo. 

 

Junto às mudanças trazidas pelo atual cenário mundial, também entrou em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados, que trouxe mudanças importantes para o tratamento, armazenamento e compartilhamento de dados pessoais, garantindo uma maior proteção e aplicando penalidades às empresas transgressoras.

 

No contexto da Lei, são considerados dados pessoais, quaisquer informações relativas ao indivíduo, e tratamento de dados se refere à qualquer operação feita com esses dados, desde a sua coleta, até a sua exclusão. Sendo assim, é necessário que as empresas entendam claramente essas normas e implemente as ferramentas necessárias para garantir essa segurança, uma vez que a transformação digital veio para ficar.