Como identificar pontos de vulnerabilidade em sua rede?

Como identificar pontos de vulnerabilidade em sua rede?

Na maioria dos casos, redes são sistemas complexos que envolvem a interação de vários equipamentos, pessoas e dispositivos, alocados de forma local ou em nuvem. Neste caso, é muito comum que entre tantas interações, haja pontos de vulnerabilidade. E são exatamente estes, que provocam dois problemas comuns: maior possibilidade de ataques ou então, menor desempenho da rede. 

É importante entender que estes pontos de vulnerabilidade das redes podem também prejudicar o desempenho e a performance da mesma. Muitas vezes, os profissionais acreditam que estes apenas prejudicam a segurança. Mas não, eles também podem causar gargalos, pontos de falha de transmissão e outros problemas. 

Por isso, é fundamental buscar identificar de forma rápida e assertiva, os pontos de vulnerabilidade. 

Passo a passo para identificar os pontos de vulnerabilidade de uma rede

Primeiramente, é importante destacar que toda rede deveria ser monitorada constantemente, o que já traz uma melhora considerável na identificação dos pontos de vulnerabilidade. Já tratamos deste tema, neste artigo. Por isso, neste texto, iremos tratar de questões ligadas a pontos de vulnerabilidade de segurança das redes. 

Porém, há alguns protocolos e testes que podem ser feitos para encontrar este tipo de vulnerabilidade:

1- Análise de vulnerabilidade

Este é o primeiro passo para identificar os pontos de vulnerabilidade. São analisados quesitos como equipamentos, estrutura física e lógica, firewall e sistemas de IDS e bloqueio de IPs. A rede é analisada como um todo e as hipóteses de pontos de vulnerabilidade são levantadas. 

2- Pen Test

Muito usado na busca por pontos de vulnerabilidade de segurança, o Pen Test simula um ataque hacker, de forma controlada, para estabelecer os principais pontos de entrada dos criminosos. 

3- SOC

O SOC (Security Operations Center) é uma ferramenta de monitoramento contínuo das redes, que ajuda na identificação dos pontos de vulnerabilidade. Por exemplo, caso a rede seja atacada, o SOC irá verificar e emitir alertas, além de apontar os pontos de entrada utilizados pelos hackers. Assim, fica mais fácil descobrir onde houve a entrada e corrigir a falha de segurança. 

Estes itens, somados a uma estrutura de redes mapeada, planejada e constantemente monitorada, fazem com que os pontos de vulnerabilidade sejam eliminados, garantindo assim, a segurança da empresa. 

Se você quiser saber mais, converse com nossa equipe, que está pronta para lhe atender!

Deixe uma resposta